É fato que o outsourcing de impressão vem para simplificar e otimizar os processos em uma organização. Porém, no

momento da seleção de um fornecedor pular etapas pode significar não fazer o melhor negócio — que permita não só

reduzir os custos — como também elevar a produtividade e extrair o máximo de benefícios da opção.

 

Por isso, estar atento a algumas recomendações na hora de fechar uma negociação nesse sentido é muito importante.

Veja a seguir quais são os principais elementos para pautar a escolha de um fornecedor de confiança e que pontos

considerar para escolher o melhor e mais completo serviço de outsourcing de impressão, que traga

vantagens globais à sua empresa:

 

Leve em conta a solidez de seu fornecedor

Uma das primeiras coisas que se deve observar é sem dúvida a experiência, a presença, a estrutura e os números de

seu fornecedor.

Embora não digam absolutamente tudo, esses dados podem servir de bons indicadores para que se tenha ideia do

quanto de segurança e eficiência ele pode agregar à empresa com as soluções que oferece.

Quanto mais bem estruturada a empresa for, mais chances de ter um serviço solidificado e estender opções e

coberturas a você.

 

Valorize a transparência na hora de elaborar um projeto

Dê prioridade ao fornecedor que tenha sensibilidade, conhecimento e interesse em te ajudar a compreender os

fatores que influenciam os resultados que você espera ter com a contratação do outsourcing de impressão.

A proposta não deve ser avaliada somente em função do custo página, e sim, uma série de coisas devem ser

pensadas. 

Mesmo dentro de uma iniciativa de terceirização desse serviço é possível reduzir ainda mais os custos se forem

levadas em consideração, por exemplo, a customização de todo o projeto, a escolha correta dos equipamentos, entre

outros (se quiser entender melhor, veja aqui).

Reconheça uma empresa que respeite isso e que te ajude a obter o melhor aproveitamento, evitando problemas de

desajustes, excessos ou má escolhas de itens que depois não poderão ser modificados.

 

Pense na integração de soluções

Além de experiência é importante observar o plano que o fornecedor institui e como ele o faz para implementar o serviço.

É preciso o desenvolvimento de uma estratégia de impressão, o estabelecimento de uma linha de base, o

gerenciamento adequado e a automação na medida certa.

 

Não só o outsourcing de impressão, como também a gestão de documentos e ferramentas eficazes que visem a não

impressão devem importar para um conceito paperless que vise não só economia como também maior segurança

e produtividade (de antemão conheça as melhores práticas na gestão de impressão para saber o que avaliar).

 

Fique de olho em um pós-venda diferenciado

Por fim, algo que deve pesar bastante em sua decisão é o serviço oferecido por seu fornecedor depois de fechado um

contrato.

Cada cliente é diferente e possui suas necessidades e demandas específicas e é preciso acompanhar de perto a

experiência que ele tem no dia a dia com o serviço para garantir que ela seja a melhor possível.

 

Suporte pronto, rápido e descomplicado é essencial, por exemplo, para que a empresa não enfrente dificuldades que

comprometem, por menos que seja, os resultados na vivência com as soluções contratadas (como paralisações).

 

Monitorar tudo de perto e proporcionar modos de intervir rapidamente em situações que envolvam o uso do serviço

permite compreender constantemente a dinâmica que a empresa vive e gerir estrategicamente a evolução de

cenários que envolvam a atividade de impressão. 

 

Bem, por essa razão, um serviço de cuidados presente mesmo após a venda é vital para que a empresa tenha

como constantemente administrar seu serviço de forma a priorizar não só a redução de custos e sustentabilidade

como também agilidade, qualidade e rendimento em geral.

 

E então, procurando um serviço de qualidade e o melhor custo x benefício para outsourcing de

impressão em sua empresa?

Fale com a Tecnoset  para agendar uma visita; podemos te ajudar!