Você já ouviu falar em segurança em impressão? Conforme a transformação digital avança e nos fornece cada vez mais soluções tecnológicas, a vulnerabilidade também se torna um problema, com cada vez mais casos de invasão e roubo de dados.

A maioria das empresas trabalha hoje com várias informações confidenciais e de sensibilidade interna, sendo que boa parte delas pode estar vulnerável a perda e roubo sem ao menos se dar conta dessa situação.

Tal cenário se torna perigoso para as organizações, que acabam por investir em várias áreas buscando por segurança e deixam determinados setores, como a impressão de documentos, descobertos. Vamos falar um pouco mais sobre isso ao longo deste post. Acompanhe!

O que é segurança em impressão?

É comum em qualquer empresa que as impressoras sejam compartilhadas por todos os colaboradores, sem nenhum tipo de restrição.

Então, imagine o seguinte cenário: um funcionário, com acesso a dados altamente restritos, envia um determinado arquivo para a impressão. Após isso, ele se distrai e demora a se dirigir até a impressora. Alguns minutos depois ele chega lá e as folhas que ele havia enviado já não se encontram no local porque foram levadas por engano por outro colaborador. O final da história você já deve imaginar: vazamento de informações.

A depender dos dados que foram impressos, isso pode causar contendas internas ou até mesmo vazar do ambiente corporativo e trazer desentendimento com clientes e fornecedores.

Esse é apenas um exemplo simples de como é importante investir em segurança em impressão para evitar esse tipo de cenário prejudicial ao negócio, sendo que ainda existem várias outras situações adversas que podem ocorrer envolvendo a impressão de documentos.

Podemos concluir então que a segurança em impressão é o ato de blindar, por meio de políticas de proteção e tecnologias, a impressão de documentos com informações sensíveis.

Qual o cenário atual da segurança em impressão?

Lançada pela Quocirca, empresa de segurança, em fevereiro de 2019, o relatório Global Print Security Landscape nos dá uma visão geral de como a segurança em impressão está sendo aplicada no mundo hoje, sendo que dentre as mais diversas informações, algumas se destacam. Veja quais são elas!

A demanda de impressão continua

Mesmo com a digitalização de documentos caminhando a passos largos, a maioria das empresas continua dependente da impressão de arquivos em seus processos empresariais.

A demanda causa riscos

Essa dependência de impressão e o atraso tecnológico atual nesse campo cria riscos para a segurança de qualquer organização.

Existem poucos líderes

De acordo com os dados apresentados na pesquisa, a maturidade da segurança no ambiente de impressão é muito variável, sendo que apenas 27% podem ser consideradas líderes em segurança em impressão, 17% são retardatários e o restante se encaixa como seguidores. Nessa conta os EUA aparecem como os melhores colocados, com 36% das empresas líderes e o Reino Unido o retardatário, com 18% de líderes.

Gastos com impressão estão aumentando

De acordo com a média relatada na pesquisa, 11% dos gastos em segurança estão sendo direcionados para a impressão e 77% dos participantes relatam que seus gastos na área vão aumentar.

Custos de violação são altos

Segundo o relatório, 11% de todos os casos de violação de dados estão ligados à impressão. De todos os participantes da pesquisa, 59% alegaram perdas de dados, gerando prejuízos financeiros, além de perda de produtividade e receita.

Malwares são uma grande preocupação

Para boa parte dos entrevistados, 70%, os vírus são a grande preocupação, porém, analisando os incidentes relatados, malwares são responsáveis por apenas 32% deles.

Outsourcing de impressão melhora a segurança

76% dos líderes de impressão, aqueles com maior nível de segurança, utilizam algum tipo de outsourcing para maximizar suas ações, demonstrando que essa é a melhor saída em termos de segurança.

A maioria das organizações já avaliou a segurança em impressão

70% dos participantes já realizaram algum tipo de avaliação e estão cientes das demandas de melhoria em segurança.

A aplicação de soluções varia

Em uma média, 51% da empresas aplica políticas claras de impressão enquanto que 48% realiza atualizações regulares.

Quais as tendências atuais?

Com a visualização da importância da segurança em impressão, estamos vendo o surgimento de várias tendências no mercado em busca desse objetivo. Veja algumas delas.

Proteção de dados

Conforme aumentam os casos de violação de dados e vazamento de informações, as organizações estão mais preocupadas em proteger seus ativos, aplicando tecnologias como monitoramento de redes e dispositivos que contam com controle de acesso.

Segurança à arquitetura e interfaces de seus produtos

Fabricantes de equipamentos de impressão estão buscando adequar suas soluções às novas demandas de segurança, realizando mudanças em arquiteturas e interfaces de seus produtos de acordo com as novas exigências do mercado.

Atualizações automáticas

Outra tendência interessante são as atualizações automáticas. Algo visto apenas em computadores, também já está presente em equipamentos de impressão, que podem ser atualizados com novos sistemas sempre que lançados.

Integração do gerenciamento de impressão à segurança de TI

Os dispositivos de impressão estão cada vez mais inteligentes e com isso espera-se que eles possam identificar comportamentos suspeitos, verificar falhas e corrigir e comunicar eventos inapropriados a um sistema de gestão geral. Dessa forma, o controle é muito mais eficaz.

Conscientização da empresa sobre boas práticas

A segurança em impressão depende de uma soma de fatores, sendo que a política interna e as boas práticas são as mais importantes. Em um ambiente orientado para a conformidade, as pessoas devem estar cientes de seus papéis para manter os dados seguros.

Qual o papel do outsourcing de impressão?

Um dos grandes problemas de se pensar a segurança em impressão é que essa é mais uma responsabilidade que acaba recaindo sobre o departamento de TI da empresa, tornando seu fardo mais pesado e, muitas vezes, sofrendo pela falta de know-how no assunto.

Dessa forma, uma das soluções que apresenta o melhor custo benefício é o investimento no outsourcing de impressão, uma empresa terceirizada, com conhecimento e contando com profissionais especializados, para montar um parque de impressão seguro.

Sendo assim, não apenas sua organização poderá manter protegidos seus ativos e informações sensíveis, como também poderão usufruir de todas as outras vantagens do outsourcing, como redução de custos, melhores tecnologias e know-how no mercado.

Esperamos que, ao finalizar a leitura deste post, você tenha uma visão real da importância da segurança em impressão e como a aplicação do outsourcing pode ser a melhor escolha para proteger a sua empresa.

Se quiser saber mais sobre o assunto, baixe agora mesmo nosso e-book e confira as tendências em impressão corporativa!